Feira de Milão: tendências, dicas e novidades

Por Isabela Fraia

A primeira vez que me inteirei e soube da importância da Feira de Milão foi logo que me formei, a mais de 8 anos, e comecei a trabalhar como arquiteta na então Rocco, Vidal + arquitetos. O Rocco meu chefe na época voltou cheio de novidades, compartilhou suas fotos com toda a equipe e eu fiquei pensando como seria legal ir para lá um dia. Hoje, quem volta cheia de novidades, fotos a compartilhar, ideias e com a cabeça a mil, sou eu, agora, a frente do meu próprio escritório a quase quatro anos.

A feira reúne diversas marcas famosas do mobiliário internacional, designers e artistas dos mais consagrados aos mais jovens, toda a atmosfera criada na cidade de Milão durante essa semana exala design e criação. É lá que as principais empresas do mundo lançam suas coleções e criam suas mostras de design.

A cidade fica realmente em festa com a Feira de Milão, e além do evento oficial, que fica mais distante do centro, onde cada marca tem seu espaço, todos super grandes alías, muitas montam também eventos paralelos por toda a cidade, o chamado ‘’fuori salone’’.  No Fuori é tudo bem mais conceitual e na feira mais comercial, essa foi minha sensação.

Na feira de Milão, que é enorme, visitei os pavilhões 05, 07, 10, 16 e 20, onde estavam as principais marcas como a Flexform, Poliform, Rimadesio, Living divani, Casamania, Moroso, Kartell, Kettal, Vitra, Knoll, Molteni, Missoni, Fendi casa, entre outras. Quase todas as grandes marcas mostraram suas peças consagradas em cores, acabamentos diferentes, porém muitas delas mantiveram o ar sóbrio, elegante e limpo, que já costumam ter.

As cores pasteis e os tons terrosos me marcaram muito, até porque, na minha opinião é uma forma de entrarem na decoração com alegria sem enjoar e cansar. A combinação de terra cota com verdes, azuis e vinho, mais escuros, ou com tons de rosa clarinhos, ficaram lindas. Vi também o uso de cores mais puras, como vermelho e amarelo, porém, acho um pouco mais cansativo de se usar.

Como nesse ano a feira de Milão teve um tema, “Living Nature. La Natura dell’Abitare” muitas marcas usaram em seus stands materiais mais naturais, assim como a corda.

Outras, na minha opinião, apenas usaram estampas e cores verdes, o que foi uma forma mais superficial de se encarar o tema. Para as próximas espero ver mais reaproveitamento de materiais, assim como entender melhor para onde vai tudo que é produzido para o salão.

O granilite realmente está com tudo novamente, vi colorido, o tradicional com cores mais cinzas de concreto, com grânulos grandes, pequenos, usado em mesas, pisos, e até acessórios e objetos. O que também apareceu muito foram os granitos mais exóticos, com veios marcados e coloridos.

Os tecidos reparei bastante no uso de veludo e alguns tecidos com textura, tipo mais enrrugadinhos.

Fora da feira de Milão muita coisa bonita e diferente foi exposta, a casa da Elle decor, que em parceria com o google e a boose retratou o lar dos Milenials, mostrava muita tecnologia e interação com o digital e ao mesmo tempo itens mais retros ou com cara de antiguinhos, tudo misturado, com direito a persiana de faixa e tudo. O espaço da Patricia Urquiola, designer Italiana que usa tramas como ninguém também estava lindo e agradável.

Para cozinhas os tampos de pedra aparecem mais fininhos e prateleiras com pequenas bordas ou gavetas que são nichos também me chamaram a atenção.
Os banheiros quase todos muito práticos, com muitas louças de pé ou bancadas simples, muitas delas sem gabinetes.

Tem muito mais tema para escrever e ir dividindo por aqui. Eu especialmente não gosto muito de falar ‘ésta na moda’’ mas vou colocando aos poucos nos meus projetos os toques dos detalhes, dos tecidos, das cores e ideias que vi nesses dias na feira de Milão. Vocês me acompanham?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

rua estados unidos, 367 | T + 55 11 3884 3006 | C + 55 11 97375 7525 | contato@isabelafraia.com.br |